Promoção à saúde nas empresas é o foco dos gestores e recursos humanos em 2023

A sustentabilidade emocional e física no ambiente de trabalho sem dúvida é o grande foco dos profissionais de gestão nestes últimos anos.

A médica ginecologista e obstetra Dra. Naira Scartezzini Senna há mais de 3 anos vem participando desta mudança na mentalidade nas empresas. Participando de eventos e palestras voltados à saúde, com a finalidade de informar com clareza e solucionar dúvidas dos colaboradores nas mais variadas áreas, seja saúde mental, saúde da mulher, saúde da gestante e bebê.

Mas, foi durante a pandemia que as corporações passaram a olhar para seus colaboradores de forma diferente. Não bastava apenas deixa-los em casa para que nãos se contaminassem, era preciso um cuidado maior com a saúde mental destes trabalhadores que se viram de uma hora para outra vivendo um novo momento de trabalho.

“O momento de pandemia, trouxe uma atenção maior por parte das empresas, já que houve um impacto significativo na qualidade de vida e saúde do colaborador, além das preocupações devido aos cuidados a serem tomados com sua própria saúde e as dores emocionais com a perda dos seus entes queridos”, afirma Adriana Paula Sosa, especialista em carreiras na Outliers Careers Gestão de Carreira.

Esta nova forma de pensar trouxe para os dias de hoje uma série de mudanças, não somente na rotina de trabalho como na promoção à saúde dentro das empresas. O que antes era visto apenas em empresas de grande porte, com mentalidade organizacional estrangeira, hoje é visto em pequenas e médias empresas 100% brasileiras também.

Pesquisas mostram que, colaboradores saudáveis e engajados são 21% mais lucrativos, e ainda proporcionam um turnover 59% menor, além disso, empresas que oferecem programas de bem-estar são recomendadas como ótimos lugares para se trabalhar por 89% de seus colaboradores.

Camila Gentile, ceo da rede Exclusiva sex, afirma que as ações que visam o bem estar das pessoas que constroem uma empresa são fundamentais. Para ela, adotar um convívio saudável entre os colaboradores deixa claro as bases e valores da empresa, como respeito, empatia, inclusão e diversidade, criando um ambiente e uma atmosfera onde todo preconceito, raiva, ódio e desrespeito não cabem.

A psicóloga Adriana Cassetari Faria Gonçalves diz que é muito importante ações que promovam a saúde nas empresas, pois além de demonstrar preocupação com o bem-estar de toda a equipe, pode melhorar a imagem e a reputação da empresa, tanto para clientes quanto para futuros funcionários. “As ações voltadas à saúde e bem-estar podem ajudar a reduzir o absenteísmo e o presenteísmo, que são os dias de trabalho perdidos devido a doenças ou problemas de saúde e o comparecimento no trabalho mesmo doente, respectivamente. Isso pode economizar dinheiro para a empresa e evitar a perda de produtividade”, acrescenta Adriana.

Outro ponto chave neste tipo de ação é a motivação deste funcionário, ao participar desses eventos, o colaborador se sente valorizado e cuidado, o que o faz ter prazer em trabalhar na organização. Sosa define em uma frase, “O colaborador é o maior investimento de uma empresa”.

Camila busca valorizar cada atitude e gesto dentro da empresa, para ela os colaboradores devem ser olhados como todo e qualquer ser humano, “Essa coisa de achar que as pessoas são perfeitas e não cometem erros está errada. Pessoas reais chegam atrasadas, passam por problemas que abalam seu emocional e as empresas devem estar atentas aos sinais auxiliando no que é possível”, afirma.

E não é somente ações e atividades que motivam o colaborador, é importante oferecer um espaço saudável de convivência e trabalho. Seguindo padrões norte americanos, como a Google e o facebook, muitas empresas brasileiras já aderiram a este modelo de integração e acolhimento no espaço de trabalho.

A especialista em carreiras demonstra que ações e mudanças forma tomadas na empresa para agregar na vida de seus colaboradores, como flexibilidade de horário e home office; treinamentos voltados para a saúde mental, day off, e momentos de descontração e pausas.

Na Exclusiva também foram implementadas ações para o bem estar do profissional, como espaços para que os colaboradores tirem um cochilo durante seus períodos de folga, solarium para que possam almoçar em um local com mais claridade e desfrutar de uma leitura, além de mesa de jogos, fliperama e videogame disponíveis para momentos de descontração. “ Aqui na temos a primícia que pessoas são reais. A liberdade de trabalho e o conforto são algo que fazem a diferença. Para o futuro, estamos preparando a empresa para integrar à nossa equipe pessoas com limitações. Cada vez que penso nisso meu coração aquece”, finaliza.

A psicóloga lista alguns pontos importantes que as empresas devem se atentar para melhorar a qualidade de vida organizacional deste colaborador:

  • Comunicação aberta e transparente.
  • Flexibilidade no trabalho.
  • Treinamentos sobre saúde mental.
  • Oferecer serviços de apoio.
  • Fornecer recursos para atividades físicas.
  • Ambiente de trabalho saudável

Essas são algumas medidas que as empresas podem implementar para promover a saúde dos colaboradores.

Lembrando sempre, que cada empresa tem suas necessidades e limitações. Os desafios são grandes, mas adaptando é possível sim atingir a satisfação e o empenho do colaborador.

Escrito por Cris Di Leva para o site da Dra Naira

Optimized by Optimole